Escolher entre os tipos de torneira parece algo simples, mas quem já passou por esse processo sabe o quanto a grande variedade de modelos é capaz de nos deixar em dúvida. 

O mais importante na hora de selecionar a torneira é sempre pensar nas características do seu cômodo, do projeto e de quem vai usar o espaço.

Se você está construindo um banheiro extremamente moderno, por exemplo, é importante optar por uma torneira que ajude a transparecer esse ar de vanguarda, que seja fácil de usar e adaptada às medidas do ambiente e da cuba.

Parece muito difícil fazer essa escolha? Continue lendo este artigo mapear os diferentes tipos de torneira e escolher a ideal para você!

Tipos de torneira para banheiro

um dos tipos de torneira para banheiro, de monocomando. ao lado, um porta-sabonetes líquido
Vem conhecer os tipos de toneira para banheiro!

Existem vários tipos de torneira para banheiro. Na hora de escolher o modelo certo é essencial entender as diferenças entre cada uma delas e a indicação. Veja abaixo:

Torneira de parede

A torneira de parede é uma opção popular e muito conhecida. Como o nome indica, ela é instalada diretamente na parede, necessitando de uma rede hidráulica no local onde foram colocadas.

A principal vantagem desse tipo de torneira é que ela não ocupa espaço na bancada, sendo ideal para banheiros pequenos.

Torneira de mesa

Esta é a torneira mais comum e usada em projetos residenciais e comerciais. É o modelo instalado sobre a bancada ou mesa, usada em conjunto com cubas de embutir, de apoio ou de sobrepor. 

Sua principal vantagem é a grande diversidade de modelos, cores e materiais disponíveis no mercado.

Torneira de teto ou de chão

Se você está construindo um banheiro moderno e deseja uma torneira criativa e impactante, este é o modelo ideal. A torneira, nesse caso, é instalada diretamente no piso ou no forro e chama bastante atenção graças ao seu design diferenciado.

Mas, para usar uma torneira assim, é preciso adequar a rede hidráulica e o lavatório. Além disso, esse é um modelo mais caro, pois é pouco utilizado, com apenas algumas marcas comercializando o produto.

Tipos de torneira para cozinha

imagem de pessoa lavando as mãos cobertas por sabão em uma torneira
Veja agora os diferentes tipos de torneira para cozinha

Assim como as torneiras para banheiro, também existem muitos tipos de torneira para cozinha. Elas precisam combinar com a sua decoração, além de serem práticas e funcionais no seu dia a dia. Veja abaixo os modelos mais usados.

Torneira convencional

Também conhecida como torneira fria, esse é um modelo bastante comum e que conta com apenas um registro que controla a saída de água em temperatura natural. Ou seja, não existe a possibilidade de controlar a temperatura da água.

Embora seja um modelo mais simples, existem versões com design diferenciado e moderno — além de diferentes formatos de registro, que garantem mais conforto e reduzem o desperdício.

Torneira multitemperatura

É um tipo de torneira elétrica que conta com variações pré-estabelecidas de temperatura, como explicaremos mais adiante.

Ela é bem interessante para ser usada na cozinha, já que torna mais fácil lavar a louça em dias de frio ou, ainda, contar com a água mais quente para desengordurar panelas e outros itens, por exemplo.

Torneira com filtro

A torneira com filtro traz ainda mais facilidade aos usuários já que permite filtrar a água para o consumo, eliminando o cloro e deixando o líquido o mais puro possível, livre de odores ou sabores.

um dos tipos de torneira com filtro
As torneiras com filtro auxiliam no conforto e na praticidade da cozinha.

Em geral, essa torneira é instalada na parede e pode variar os modelos de bicos, com jato central ou ducha.

Torneira com giro 360º

É uma torneira extremamente moderna e com um design diferenciado e elegante

publicação de um tipo de torneira no instagram do toca obra
Já visitou nosso instagram hoje? 😉

A grande vantagem é que a torneira gira em diversas direções, facilitando o uso na hora de lavar a louça e a pia. Existem modelos com diferentes tipos de misturadores.

Torneira com ¼ de volta

Esse é o modelo mais usado nas residências – e existem versões para banheiro e cozinha. A diferença é o seu sistema de abertura com ¼ de volta (ou 90 graus). Isso faz com que o desgaste no reparo seja menor, o que aumenta a durabilidade da torneira. 

O reparo pode ser de plástico ou de metal com sistema de vedação cerâmico, sendo o de metal o mais resistente.

Saída de água e temperatura

torneira de temperatura e cuba circular para pia
Tipos de torneira com saída de água com temperatura personalizada são variados.

Além do modelo, as torneiras também podem variar em relação à saída de água e a temperatura. Veja as opções.

Torneira tradicional

É a torneira que conta apenas com saída para água fria. É o modelo mais comum e com valor menor.

Torneiras e misturadores monocomando

Esses são modelos mais modernos, usados para regular a temperatura da água, que pode ser fria ou quente.

O visual das torneiras e misturadores monocomando também é diferenciado, mais clean que a tradicional, contando com apenas uma alavanca para regular a temperatura da água.

Os misturadores podem também contar com dois registros para a saída de água: um para água quente e outro para água fria. Assim, o usuário consegue regular a saída de apenas uma temperatura ou misturar ambas para um uso mais personalizado.

Torneira automática

Muito conhecida, a torneira automática é indicada para quem deseja reduzir o desperdício de água, já que ela conta com um timer que controla o tempo de abertura da torneira. 

Esse é o modelo mais usado em ambientes públicos e comerciais, mas também existem modelos que podem ser usados em residências.

imagem de torneira pingando sobre fundo amarelo
Há tipos de torneira que podem te auxiliar na economia de água.

Em geral, para essas torneiras funcionarem basta dar um toque na parte superior para que a saída de água se inicie e, após um tempo pré-determinado, o temporizador fecha a vazão de água sozinho.

Torneira com sensor

Esta também é uma torneira automática, só que mais tecnológica. Por isso, é um modelo mais caro. A torneira não conta com nenhum tipo de registro para dar vazão à água. Basta o usuário aproximar a mão do sensor e a torneira começará a liberar a água.

Como escolher a torneira certa para mim?

Com tantos tipos de torneira parece difícil escolher o modelo certo, não é mesmo? Tanto as torneiras de banheiro como as de cozinha exigem que você considere alguns pontos cruciais, que vão tornar o item mais funcional e prático no dia a dia. Veja os pontos mais importantes.

Material

Uma boa torneira precisa durar bastante, certo? Por isso a escolha do material é fundamental. De uma maneira geral, as torneiras são feitas ou em plástico ABS ou em metal.

As de plástico ABS (ou plástico de engenharia) são as mais baratas e menos resistentes. Normalmente são encontradas na cor branca e em tamanhos variados, além de formas cilíndricas.

tipos de torneira de plástico, com o registro vermelho em fundo branco
As torneiras com registro de plástico costumam ser menos resistentes, fique atento ao custo-benefício!

Em alguns casos, a torneira pode ser de ABS mas com acabamento cromado, ficando bem parecida com a torneira de metal. Por isso é importante sempre conferir as especificações do fabricante.

Já as torneiras de metal são as de melhor qualidade. O miolo pode ser fabricado em liga de zinco, liga de cobre, latão ou aço inoxidável. Elas recebem um acabamento cromado e possuem alta durabilidade, além de não enferrujar.

Acabamento

Para melhorar o design das torneiras, os fabricantes têm investido em acabamentos variados, como as torneiras pretas, torneiras douradas, torneiras rose gold ou torneiras cobre. Também é possível encontrar modelos com efeito escovado, fosco ou brilhante.

Quanto mais diferenciado for o acabamento, mais cara será a torneira. Porém, essa é uma informação crucial na hora de pensar no design e no estilo do seu banheiro ou da sua cozinha. 

Se você optar por uma torneira preta, por exemplo, todos os outros metais do ambiente devem seguir a mesma tonalidade.

Design

As torneiras estão sendo fabricadas em diversas padronagens. Algumas contam com linhas mais retas, outras circulares e algumas são mais quadradas. O ideal é optar por todas as torneiras do cômodo com o mesmo design, criando uma unidade.

design criativo para tipos de torneira
Você pode inovar a decoração mesmo com os tipos de torneira mais comuns.

Vamos supor que o registro do seu banheiro seja mais quadrado – o ideal é que as torneiras sigam esse estilo, criando um padrão. Lembre-se que as torneiras não são itens avulsos nos ambientes, mas devem integrar a composição da decoração.

Saída de água

A saída de água é controlada pela ponta da bica. Existem modelos com arejador que ajudam a reduzir o volume de água em até 50%, gerando economia. 

Ao contrário do que muitos pensam, os arejadores não prejudicam a vazão de água, só garante que sairá a quantidade ideal de água para o uso, sem desperdício.

Além do arejador, existem modelos com saída de água em cascata ou laminar (mais usadas nos banheiros), presente sobretudo nas torneiras retangulares ou com detalhes em vidro.

Altura da bica

A bica da torneira é o “cano”. Uma torneira de bica alta (mais comprida) é indicada quando se usa uma cuba de apoio (aquela que fica em cima da bancada). Esse é um modelo que está em alta e que oferece um uso mais confortável.

Já a torneira de bica baixa é o modelo de mesa e serve para diferentes tipos de cuba como de embutir, de semiencaixe e de sobrepor.

Se a torneira for instalada muito distante da pia, poderá gerar excesso de respingos. Por isso, atenção a esse ponto.

Água quente e fria

Principalmente nas cozinhas, a água quente é muito usada, especialmente na hora de lavar a louça com gordura. 

Se esse for o seu caso, é importante escolher uma torneira capaz de fornecer água quente, com o misturador conectado a um sistema de aquecimento ou a um aquecedor elétrico individual.

Flexibilidade

Também falando dos tipos de torneira para cozinha, é essencial que você considere a flexibilidade. As torneiras com giro 360 graus ou com mangueiras flexíveis facilitam o uso no dia a dia, permitindo adicionar mais louças na pia ou modificar a forma de lavagem.

Encaixe para duas cubas

As pias de cozinha com cubas duplas precisam de atenção na hora de escolher a torneira, optando por um modelo que possa ser instalado no meio das cubas. 

As medidas devem ser analisadas cuidadosamente e o ideal é optar por torneiras com giro 360 graus e mangueiras flexíveis – que alcancem as duas cubas.

Dimensões

Na hora de escolher a torneira, considere o conjunto de torneira e cuba, garantindo que há espaço suficiente para a lavagem das mãos ou da louça. Por isso, é essencial que a torneira escolhida seja proporcional à cuba.

criança lavando as mãos em uma torneira de cozinha
Opte por torneiras que tenham o tamanho proporcional ao tipo de cuba!

A distância entre a saída de água e a borda da cuba também é importante e precisa ser analisada para um uso confortável. 

O ideal é que haja uma distância entre 10 a 15 cm entre o bocal da torneira e a borda da cuba. Uma forma de evitar os respingos é direcionando o jato de água para o ralo.

Além dos tipos de torneiras para banheiro e cozinha, também existem versões para a área externa, como quintais, jardins e outros.

Gostou de saber mais sobre os tipos de torneira? Já encontrou o ideal para sua obra? Acesse o site do TocaObra e veja mais opções incríveis de torneiras!

Contrate um ninja