Na hora de realizar as pequenas manutenções em casa, contar com as ferramentas certas faz toda a diferença. Mas, para que esses itens realmente tragam praticidade, é indispensável saber organizar ferramentas.

Assim, será mais fácil encontrar aquilo que você procura, entender melhor o que você já tem e o que ainda precisa ser comprado antes de qualquer tipo de instalação ou manutenção.

Não sabe como organizar ferramentas? A gente te ajuda! Confira nossas dicas:

Por que organizar ferramentas é importante?

A organização das ferramentas não é simplesmente deixar a bagunça escondida, mas criar uma ordem funcional para guardar esses equipamentos, facilitando a tarefa de encontrar algo quando você precisar.

Algumas vantagens de deixar todos os itens sempre organizados são:

  • praticidade no trabalho: será mais fácil encontrar o que você precisa;
  • aumento da vida útil das peças: elas estarão armazenadas corretamente, evitando ferrugem e outros problemas;
  • facilidade de transporte das ferramentas, principalmente se elas estiverem em um compartimento, como containers com rodízio, bolsas ou mochilas próprias para essa finalidade;
  • definição dos itens que estão em falta ou que precisam ser comprados para determinado trabalho;
  • trabalhos mais profissionais: você usa sempre as ferramentas certas (já que conseguirá encontrar com mais facilidade o que procura).

Como organizar ferramentas?

Já está convencido a parar de preguiça e começar a organizar ferramentas? Veja algumas dicas essenciais que separamos para você:

1. Separe as ferramentas por categorias

O primeiro passo para organizar ferramentas é avaliar tudo o que você tem. Então, comece retirando todos os itens dos locais onde estão e separando cada um na sua devida categoria. Por exemplo: ferramentas elétricas, itens para a furadeira (brocas, buchas, parafusos, etc.), chaves de fenda, entre outros.

Se preferir, também poderá separar os itens por tamanho, agrupando os menores e colocando cada um em recipientes específicos.

Se for usar potes para guardar esses itens menores, como pregos e parafusos, separe eles por categoria e coloque etiquetas, indicando o que há dentro de cada um (durante o uso, não misture os itens).

2. Descarte as ferramentas em más condições.

Aproveite o momento de organizar ferramentas para desapegar daqueles itens que você não usa mais ou que estão em más condições de uso. Descarte as ferramentas desgastadas ou que você não usa mais. Se o item estiver em bom estado de manutenção, doe para alguém que precisa.

Assim, você poderá liberar espaço para as ferramentas que realmente estão em boas condições de uso e que você mais emprega nas suas atividades. Aproveite para pesquisar as novidades do setor e entender quais lançamentos podem ajudar a deixar seu kit de ferramentas ainda mais preciso.

3. Separe um espaço para as suas ferramentas

Dentro da sua casa, há um espaço fixo onde as ferramentas ficam? Caso elas estejam cada dia em um canto, esse é um momento de repensar a organização.

O ideal é separar um ambiente para guardar esses itens. Assim, você poderá entender o quanto de espaço tem disponível e que tipo de organização poderá usar: caixas, mochilas, pallets, quadros metálicos, entre outros.

Se você mora em uma casa e tem mais espaço disponível, uma boa ideia é criar um cantinho especial para as suas ferramentas. Dessa forma, será mais fácil manter tudo à vista e muito bem organizado.

O mais importante é que esse local onde as ferramentas ficarão seja organizado e de fácil acesso.

4. Pendure algumas ferramentas

ferramentas penduradas na parede
Saber como organizar ferramentas é fundamental para otimizar o espaço e manter os itens em boas condições.

O local onde você guardará as suas ferramentas tem espaço sobrando? Uma boa ideia para organizar ferramentas é pendurá-las, tornando a tarefa de encontrar a ferramenta certa ainda mais fácil. São muitas as possibilidades para fazer isso, inclusive, muitas delas, você mesmo poderá fazer.

Algumas opções são: uso de pallets, ripas de madeira, caixotes de feira, chapas ou painéis metálicos perfurados, telas metálicas, canos de PVC, painéis de cortiça, entre outros.

Se não há nenhuma parede disponível, aproveite os espaços possíveis, como atrás da porta de entrada do cômodo ou nas portas e laterais dos armários.

5. Reaproveite os móveis de casa

Deixar as ferramentas à vista e penduradas não lhe parece uma boa ideia? É possível reaproveitar os móveis de casa para essa área. Gaveteiros são ótimas ideias, tanto os de madeira como os de plástico.

Dentro das gavetas você poderá comprar divisórias (iguais às que usamos na cozinha para os talheres) e organizar ferramentas por tamanho.

Outra possibilidade é reaproveitar os armários e as prateleiras ou investir em móveis planejados para essa área.

6. Use as caixas de ferramentas

Para quem tem pouco espaço em casa, as caixas de ferramentas são as melhores escolhas (e ainda deixam o transporte das peças mais prático). Como são planejadas para esse tipo de organização, elas contam com divisórias adequadas ao tamanho dos diferentes itens e acondicionam corretamente os produtos, aumentando sua vida útil.

No mercado, você encontrará diferentes modelos, como maletas, caixas, baú, mochilas, carrinho com gavetas ou bandejas, entre outros.

Para escolher o ideal é importante que você saiba exatamente quais itens terá de organizar e o espaço disponível para guardar a caixa de ferramentas. Quem tem muitas ferramentas, pode precisar dos modelos maiores, com dois andares ou até os carrinhos.

Agora, se você tem poucas coisas, as maletas são simples e práticas, fáceis de serem encontradas e disponíveis em diversos tamanhos.

7. Reaproveite os itens de casa

Nem sempre você precisará investir em caixas ou outros itens para organizar ferramentas, já que com criatividade é possível reaproveitar muitos acessórios de casa.

As garrafas PET, por exemplo, podem ser transformadas em suportes para organizar os fios e os cabos. Para os pregos e materiais menores, você poderá usar latinhas de alimento devidamente lavadas ou potes de margarina. Um antigo toalheiro pode ser usado para pendurar as luvas e as formas para assar cupcake podem ser transformadas em recipientes para buchas, pregos ou outros itens.

8. Mantenha uma rotina de organização

Não adianta organizar ferramentas uma vez por ano e depois bagunçar tudo o que você arrumou. É preciso criar um hábito de manter a organização, principalmente depois de cada uso.

Algumas dicas essenciais são:

  • não mude de lugar, sempre guarde cada ferramenta no lugar certo após o uso;
  • evite guardar outros itens no mesmo lugar das ferramentas (esse deve ser um espaço reservado apenas para esses objetos);
  • coloque sempre a ferramenta no espaço definido durante a organização;
  • cada vez que comprar uma ferramenta nova, pense também no espaço onde ela será alocada;
  • fique atento às etiquetas do pote e evite misturar os itens dentro desses recipientes, sempre respeitando o espaço de cada um;
  • de tempos em tempos, refaça toda a rotina de organização, jogando fora o que não usa mais, limpando as ferramentas e adequando o seu sistema de organização.

9. Use ferramentas de qualidade

Por melhor que seja a sua organização, o seu trabalho não será bem executado se você usar ferramentas de qualidade duvidosa. Se, ao cair no chão, a ferramenta entorta ou com poucos usos ela já fica enferrujada e pouco eficiente, isso irá prejudicar o desempenho do seu trabalho.

O resultado disso é mais dificuldade para fazer os consertos, instalações e manutenções, o que pode colocar a sua segurança e das demais pessoas em risco.

E não pense que, ao comprar ferramentas de baixa qualidade, você estará economizando. Afinal, se a vida útil delas for pequena, logo você terá de desembolsar comprando uma nova, o que no fim das contas sairá ainda mais caro.

Então, não economize na hora de comprar as ferramentas – garanta a qualidade desses itens. Isso fará com que suas ferramentas durem bastante tempo e estejam sempre adequadas para o uso quando você precisar.

Quais as principais ferramentas preciso ter em casa?

ferramentas umas ao lado das outras
É importante conhecer algumas ferramentas básicas que são essenciais ter em casa.

Ainda está montando o seu kit e não sabe exatamente quais as ferramentas básicas precisa ter em casa? O ideal é contar com:

  • chaves de fenda e Phillips: indispensável para apertar ou afrouxar parafusos, é preciso ter, ao menos, um bom kit de chaves, com diferentes formatos e tamanhos;
  • chave de teste: no formato são semelhantes às chaves de fenda, mas servem para testar se há corrente elétrica passando pelos fios ou tomadas. Ela é muito útil para conferir se a energia está realmente desligada antes de trocar o chuveiro, por exemplo;
  • martelo: existem diferentes modelos, cada um indicado para funções específicas;
  • alicate: ferramenta indispensável no seu kit, ele serve para dobrar metais, apertar porcas, desencapar fios e isolar materiais durante as instalações elétricas;
  • chave inglesa: essas chaves são muito usadas nas instalações hidráulicas. Como a sua abertura é regulável por uma rosca, elas são bem versáteis e podem ser usadas na manutenção de canos maiores e até nas porcas menores;
  • trenas: podem ser de madeira ou de metal e são indispensáveis para medir móveis, calcular áreas, entre outros;
  • furadeiras e brocas: são úteis para diversas funções e existem modelos que também funcionam como parafusadeiras. As furadeiras podem variar no calibre, com opções diferentes para diversos tipos de trabalho;
  • acessórios: além dessas ferramentas, é importante que seu kit contenha pregos, parafusos e buchas de diversos tamanhos, fita veda rosca, estilete, fita isolante e cola de madeira.

Neste conteúdo, você viu dicas para organizar ferramentas e tornar o seu dia a dia mais prático na hora de fazer pequenos consertos ou manutenção em casa – e também descobriu quais são as ferramentas básicas para montar um kit eficiente.

Gostou das nossas dicas? Encontre as ferramentas que precisa para compor seu kit no marketplace do Toca Obra. E não deixe de cadastrar seu e-mail em nossa newsletter para receber mais conteúdos como este e ficar por dentro das novidades do nosso blog.

Contrate um ninja