Esquadria é a estrutura de moldura de uma janela ou porta de correr e tem como objetivo fechar vãos. Há pelo menos 8 formas para janelas convencionais, mas 3 principais tipos para portas de correr. 

Você sabia que a origem deste tipo de porta é de antes dos anos 20? Mas foi na década de 80 que se popularizou. A longa história passa pelas demandas habitacionais de períodos de guerra, também considerando a otimização do espaço, e hoje apresentam uma qualidade muito superior, com os avanços da tecnologia na arquitetura.

No decorrer desta leitura, você descobrirá todas as particularidades das esquadrias para as portas de correr, a partir da intenção da sua reforma ou construção.

Esquadria para porta de correr

Entenda como escolher a esquadria ideal para porta de correr

Para fazer um investimento mais assertivo, é preciso considerar a temperatura dos ambientes, bem como a incidência da luz, além da forma de limpeza que é feita no lar e outros critérios como material, estilo decorativo e peso. 

No geral, são 3 os principais tipos de esquadrias para portas de correr: tradicional, sanfonada ou camarão e balcão. Escolher o ideal depende também da matéria prima e do estilo da própria porta. 

Principais materiais para porta de correr

Primeiramente, você já escolheu o material das portas que pretende instalar em cada cômodo? Levando em consideração peso, resistência e influência na temperatura, analisamos algumas opções. 

Porta de correr de vidro

O vidro costuma ser usado para separar áreas externas das internas, ou até mesmo em projetos mais ousados de integração de ambientes. Caso queira privacidade para a parte interna do cômodo, é possível incrementar a estética com uma cortina que combine com o estilo decorativo. Outra alternativa é investir em um vidro com estilo vitral jateado de padrão minimalista.

Porta de correr de aço

Já as portas de correr feitas de aço, são muito procuradas por pessoas que desejam planejar o lar com o estilo industrial, mas é preciso se atentar aos cuidados com possíveis ferrugens (se não for aço inoxidável), protegendo muito bem os entornos da estrutura. 

Não é recomendado que sejam instaladas em ambientes que possam entrar em contato com a água da chuva, por exemplo, portanto as divisórias com jardins devem ser evitadas. Há também o risco de esquentar demais o ambiente interno, por conta do contato com o Sol. Mais um motivo para que opte pela esquadria de alumínio, ao invés da porta inteira feita por ferro ou aço.

Porta de correr de madeira 

A beleza das portas de correr feitas de madeira é inquestionável, mas a atenção com o cuidado deve ser redobrada, pois o contato com a água tende a danificá–la. Se costuma realizar a limpeza do lar apenas com um pano úmido (também dependendo do piso usado no cômodo), pode não haver tanta dificuldade assim. 

Tendem a ser mais pesadas, por isso a alternativa do tipo “prancheta” para portas de correr é a mais procurada (explicaremos mais detalhes no decorrer do texto).

Em conclusão, recomendamos as portas feitas de vidro para a separação de cômodos que não exijam tanta privacidade, e material semi sólido, ao invés de madeira maciça, para imóveis que necessitem de mais praticidade na estrutura. Em seguida, é preciso escolher o estilo da porta.

Porta de correr de madeira

Estilos de porta de correr

Portas de correr tradicionais podem ser montadas de três formas diferentes: embutida, inclusa e sobreposta. Instalar pode ser muito simples, desde que siga as orientações certas.

Definir uma esquadria para portas de correr deve considerar o formato e sua estética. 

Tradicionais do tipo Prancheta

O tipo de porta de correr mais em conta no mercado é o prancheta, também conhecida como “semi sólida”. Mesmo que sua durabilidade seja menor em comparação à madeira maciça, por conta da composição interna, é justamente essa característica que a torna a mais leve para quartos, banheiros e dispensas, cujo acesso deve ser mais prático.

Roldanas aparentes dão um toque de estilo, enquanto as roldanas ocultas são mais discretas para quem busca menos informação visual no ambiente. Se por algum motivo não for possível fazer uma instalação totalmente discreta, um bandô pode ser usado para ocultar o acabamento.

Formato Balcão

As portas do tipo balcão são conhecidas pela abertura projetada para fora, mas como porta de correr, ela abre se deslocando através dos trilhos. Costuma ser usada em varandas ou divisórias com jardins e demais áreas exteriores do imóvel. 

Porta de correr com esquadria de madeira

Sanfonada ou Camarão

Com uma proposta mais exótica para a integração de ambientes, estes dois formatos articulados abrem de forma dobrável, podendo até mesmo possuir um design personalizado e serem fabricados em diferentes materiais: bambu, madeira, MDF ou PVC. Tenha em mente que não são formatos que priorizam vedação e isolamento acústico. 

Tipos de esquadria

Por fim, escolha a esquadria que melhor se adapta ao material e modelo da porta. Salve este conteúdo para ter acesso rápido ao guia completo, explicado a seguir. 

Esquadria de Ferro 

O ferro é uma opção muito bonita não só para o estilo industrial, mas também para vários outros, do clássico ao contemporâneo, se combinada com vidro fosco ou transparente. Por ter mais risco de ferrugem, o aço inoxidável é uma alternativa mais fácil de manter.

Esquadria de Alumínio

Ao contrário do ferro, o alumínio não enferruja, além de ser mais leve — uma grande vantagem para as portas de correr do interior do imóvel. Caso o estilo de decoração do lar orne com a estética deste tipo de esquadria, a lavanderia e a cozinha podem não ser os únicos cômodos a ganharem um toque a mais de estilo com ela. Esta é uma das melhores opções do mercado. 

Esquadria de alumínio

Esquadria de PVC

Se sua prioridade é o isolamento acústico, a esquadria de PVC é uma boa opção. Gastos com manutenção praticamente não são necessários, o que compensa seu valor a longo prazo. Além disso, proporciona regulação térmica, pois o material apresenta características de baixa condução de calor. 

A vedação reforçada por termofusão também influencia no fator temperatura, enquanto protege o imóvel da água, resíduos de poluição e até mesmo de pequenos insetos, sem contar a resistência do material a fungos e cupins. 

Esquadria de Madeira 

Com tantas alternativas mais sustentáveis, como PVC, ou mais práticas, como alumínio, a madeira acaba ficando para trás em manutenção e durabilidade.

Mesmo que seja um belo material na arquitetura e decoração de um imóvel, a madeira é mais suscetível a danos por insetos ou elementos naturais (água, vento, sol). Vale considerar que a textura porosa absorve partículas de poeira, o que desgasta ainda mais a longo prazo. 

7 vantagens das portas de correr 

  • Não atrapalha a circulação entre os cômodos do lar
  • Otimiza o espaço útil, abrindo um leque maior de possibilidades decorativas e funcionais
  • Proporciona uma estética mais elegante aos espaços
  • Combina com todos os estilos
  • Ótima alternativa para quem deseja expandir cômodos, integrando ambientes com a proposta de paredes móveis
  • São personalizáveis, de acordo com cada gosto
  • Podem vedar sons, melhorando a acústica e proporcionando maior privacidade

Conseguimos esclarecer suas dúvidas? Conte com o Toca Obra para adquirir os melhores produtos para a sua reforma ou construção. No nosso blog, compartilhamos dezenas de conteúdos importantes para você tirar a sua obra do papel!

Contrate um ninja